terça-feira, 8 de novembro de 2011

1º Campeonato Paulista de Pole Dance - nós fomos!!


O Estúdio moov começou a se preparar logo que foi anunciado a realização do 1º Campeonato Paulista de Pole Dance! Nos organizamos em um grupo de 6 meninas, representando todas as demais alunas. Estávamos super empolgadas!! Era visível a ansiedade das meninas, que ouviram muito eu falar da Mari da Vertical Fit, da Grazzy Brugner, da Federação Paulista, da Flavinha da Up Dance, da Maria Luz, da Edi Reis. Para elas, o campeonato era a oportunidade de conhecer as estrelas nacionais do Pole Dance, saber como funciona uma competição, avaliar o nível de todas as competidoras e se avaliar como pole dancers.

Nós 6: Natassia, Marilia, Natalia, eu, Rita e Mirele.

Só tenho a dizer que foi um sucesso! Para começar, fomos escoltadas até o local do evento, com giroflex ligado e tudo!! Hahahahah inesquecível desde então! Nas apresentações, eu e as meninas tivemos várias ressalvas, em todos os níveis. Vimos movimentos sendo executados de forma diferentes da que conhecíamos, vimos movimentos sendo executados pobremente... vimos que criatividade em algumas apresentações somou muito, mas que em outras só atrapalhou... musicalidade e interpretação faltou demais!

O evento, no geral, foi bom. É muito fácil falar quando você não organiza e nem participa, simplesmente assiste. Não quero insultar ninguém ou desvalorizar o trabalho de outrém com minhas palavras, por isso vou ser muito cautelosa. As críticas são construtivas e muitas delas eu sei já foram ouvidas e estão sendo colocadas em prática. Foi o primeiro de muitos outros que estão por vir! Muito se aprende para que os outros sejam mais completos e melhor organizados.

Na ala masculina, achei que os participantes deixaram um pouco a desejar. O caráter de apresentação não pode faltar nunca, já que é uma apresentação e todos estão sendo avaliados pela execução de movimentos... mesmo que a mulherada faça um alvoroço... prefiro dizer só isso.

Nós e Grazzy!!


Sobre as ganhadoras, foi incontestável. Concordamos com todas! Foi emocionante ver a Edi participando e sendo ovacionada no final!! Um exemplo para todas as pole dancers com certeza!! Assitimos também apresentações lindas da Mari, da Grazzy (as alunas daqui te a-ma-ram!! Obrigada por ter sido tão maravilhosa e atenciosa com elas!!) da Maria Luz, do Julio Peixoto.. faltou da Flavinha! Mas tudo bem, ela tb foi um doce conosco, como sempre linda e radiante!

Meninas com a Flavinha!
Enfim, uma noite que ficará em nossas memórias para sempre! Fiquei muito feliz de ter participado e contribuido para esse evento. Apoio a Federação Paulista e reconheço o esforço por nós. Agradeço então a todos que fizeram dessa noite um marco em nossas vidas de pole dancers!

Nós e Maria Luz!
Estou muito ansiosa para 2012!! O ano promete!! E já com início em janeiro, com o fórum que será realizado em Porto Alegre! É mais um esforço de tornamos o pole dance mais unificado e lutarmos pela reconhecimento atividade. Aliás logo teremos um post sobre isso.

Minha vez!! hahahaha


E que venham os campeonatos!! Maiores e melhores.. ;)

Premiação. Parabéns!

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

4º Street Pole moov!

Se acharam que a chuva ia nos impedir...
Achem de novo!!
Nada nos para!! Pode estar caindo o mundo! Adivinha o que estaremos fazemos? Pole Danceando!! =D



Mesmo embaixo de chuvisco, aconteceu no último dia 02, o 4º Street Pole! E agora ele também é moov!
Esse Street Pole teve a intenção de começarmos a divulgar a nova face do Estúdio, o site, o uniforme! Com logo novo, lindíssimo!!
Além disso, aconteceu a entrega de certificados de conclusão do nível básico de 10 gloriosas, lindas e muito fortudas alunas moov, conquistados no primeiro semestre de 2011!


Com direito a camiseta e sticker do Estúdio, paramos o trânsito de Americana novamente!! E ainda, para melhorar, com recorde de participantes E de público!


Camiseta nova, logo novo, e público recorde!
Como essas meninas estão fortes!!! 
Ousando sempre, se aventurando no mundo dos postes de sinalização! Deixando a vergonha de lado e aplicando todos os conceitos aprendidos em aula, com a ajudinha da nossa amiga adrenalina e nosso amigo breu (pensam que é fácil fazer em postes mais grossos, escorregadios e ainda por cima com público!?), muitos movimentos sairam perfeitos, com até 3 meninas em cada poste!!


Marília, Natassia e Sabrina. 
Very Nice!!

Duas se divertindo!


É muito orgulho para uma professora só!!
Estamos de parabéns meninas!! Obrigada por fazerem parte dessa história comigo!!


O grupo que ficou atéééé o final! Obrigada meninas!!
Esse ano ainda tem o último Street Pole moov, em dezembro, para finalizarmos as atividades do ano e entrega de certificados do segundo semestre de 2011! Vamos ver se o sol nos acompanha né?!rs


WE WANT YOU!! =P

















Pole Combos com Grazzy Brugner

Olha quem está de volta!!
Posso ouvir os fogos e o estouro da champagne! Plena 11 da matina!! Sentiram muito minha falta?? =P


E o melhor de tudo é que o blog agora tem uma casinha! O site do Estúdio está pronto e lindo!! Americana que se prepare, pois essa cidade logo não será mais a mesma! moov de casa nova, com tudo novo! E com qualidade! Ai, não vejo a hora...


Mas vamos ao que interessa nesse post: workshop da Grazzy Brugner!
Ele aconteceu em maio (abafa que já faz um tempo! as coisas andavam um tanto corridas... mas antes tarde do que nunca!) na Vertical Fit, da queridíssima Mari Silva.



Meu primeiro workshop com a Grazzy! Nem preciso... ou melhor, preciso muito dizer que simplesmente adorei! Superou minhas expectativas em todos os momentos!!
Já era fã do trabalho dela, antes mesmo de conhecê-la. 


Para mim, a Grazzy é uma das pole dancers nacionais mais completas: em suas coreografias existe força, técnica, coreografia, leveza e sensualidade. Tudo sempre muito divertido, exatamente como ela é ao vivo! Divertidíssima!!




Fofa da Grazzy! Explicando e nos divertindo!rs




No work de combos do qual participei, a evolução de cada sequência era muito bem explicada e especificada por ela. Disse evolução, pois para mim evolução é sinônimo de didática. Aos poucos, você vai conseguindo executar os movimentos que mal sabia que conseguia fazê-los! (Aaahh, como eu amo pole dancear! Deveria existir esse verbo! Afinal, sentir-se capaz faz parte da atividade tanto como aprender a fazer spins). Claro que a nossa diliiiciiia Grazzy tem didática de sobra!! Além da criatividade e uma desenvoltura de dar inveja a qualquer uma!! Mas só pode da inveja boa, hein galerinha!?




Explicando lááááá de cima!


Foram 3 maravilhosas horas que aproveitei cada segundo! E até hoje trabalho movimentos com as alunas do moov que pude aprender nesse workshop, ou melhor, movimentos que foram criados por mim a partir do que aprendi com a Grazzy! O que significa sucesso em todos os quesitos!


Me segura Grazzyy!!rs
Não vejo a hora de participar do próximo!! Será que vai ser aqui pertinho..? ;)




Meninas que participaram!
Assinando mais um certificado.. =]



terça-feira, 7 de junho de 2011

3º Street Pole!!!

Olá queridos!!

De volta, depois de um breve tempo as escondidas... com o Street Pole!

Chegamos na nossa 3ª edição, que aconteceu no último dia 22! 
E sempre uma edição superando a outra! Minhas alunas são de dar orgulho, com certeza!

Muito corajosas, dispostas e... fortes!!!
Alguém se habilita a enfrentar um grupo como esse??

Meninas lindas!


Foi uma tarde muito gostosa, com a participação não só das alunas, mas de um grande grupo de apoio e adoração a manifestações urbanas! Despertamos a curiosidade de muitos também!!
Vamos incomodar o que nos incomoda, não é!?
Mal acabou de ter uma e a meninada já está pedindo a 4ª edição.. que será extraordinária! Em todos os sentidos!

Logo, logo mais novidades para todos!
E deixem que as imagens falem mais do que muuuitas palavras!

Mirele e Denise.

Jessica e Daiane, mais a galera prestigiando!

Vivian e seu Ovito lindo!

Um pole no cruzamento com direito a 3 meninas!

Próximo post, mais novidades!

E promento que ele será logo em breve... ;)

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Geração Angelical!

Olá queridos!
Mais um workshop para o currículo!


No feriado da Páscoa tive a oportunidade de estar novamente com as queridíssimas Saskia e Friedel Kloke para mais um workshop! Desta vez, a Saskia estava como focalizadora principal, com a presença e total apoio da sua mãe Friedel, ajudando-a e ajudando-nos... [hehehehehe]


Resumindo, foi MA-RA-VI-LHO-SO! [Como já era de se esperar né?!]


O workshop, que tinha como titulo "Engelwirken" - Geração Angelical, trouxe para a roda as danças de diversos anjos que nos protegem no dia a dia. Em 3 dias, conseguimos montar toda a peça, composta de 6 danças e transições.


Todos os 45 participantes, inclusive eu!, estavam realmente muito empenhados, pois Saskia e Friedel não trabalham mole não!! Tivemos até um trabalho especial com as posições de braços no ballet conduzido pela Friedel.. riquíssimo!!


Foi uma honra, é uma honra e sempre será poder dançar e trabalhar com pessoas tão completas, com tantos conhecimentos e com excelência em execução como esses 2 ícones das danças circulares sagradas. Abençoou mais uma vez o meu feriado de Páscoa! A energia lá gerada pôde vibrar em mim e em todos ao meu redor, nos deixando protegidos e prontos para um novo mês que se inicia.


[Em OFF, preciso dizer que as últimas palavras de Friedel para mim foram as seguintes: "What a lovely dancer!" Fui embora de Holambra realmente carregada por anjos... Não é todo dia que se recebe elogios de uma mestra da dança!]


Logo abaixo algumas fotos desses momentos inesquecíveis!

No segundo dia, me rendi aos pés descalços!

O grupo em uma das várias danças.

Eu e Saskia!

Todos os participantes! 

terça-feira, 19 de abril de 2011

A primeira!

Pessoas!!
Que mês corrido!!
Abril está cheio decisões e muitas coisas boas acontecendo!! Entre elas está a finalização do primeiro seminário profissional do Estúdio!

Desde a montagem do material, dos certificados, das aulas, do cronograma de ensino.... enfim, do início ao fim me dediquei ao máximo, buscando a melhor qualidade que eu poderia oferecer. Tenho certeza que ofereci! E essa certeza vem da maravilhosa resposta que obtive da Vivian enquanto trabalhávamos juntas para a NOSSA melhora! 

Parabéns para a Vivian!! Uma mulher cheia de garra, determinação e força de vontade!!
Trabalhou duro, suou demais, ficou cheeeeinha de roxos!
Mas pude ver em cada aula a evolução dos seus movimentos e posso afirmar que tirou de letra!
Já era uma excelente profissional, agora está ainda mais completa!!
Conte sempre comigo!! 
Aqui algumas fotinhos do nascimento dessa maravilhosa pole dancer!

Vivian, eu e os 3 certificados! Parabéns!

Olha o Pole Box Split! Força!

Esse caterpillar está lindo!

Butterfly! Demais!

Olha a foto!!

Butterfly Extension saiu!! Liiiindo!

Falsa Bandeira tranqüila!


Ainda esse mês têm muitas novidades por vir!
Mas só vou poder falar em maio! [Já disse que as paredes internéticas têm ouvidos?]

Até lá, não achem que abandonei-os!
Estou aqui ó:
www.facebook.com/jetancredi
www.twitter.com/jetancredi

Feliz Páscoa a todos!
Comam muuuito chocolate sem culpa!! Depois a gente queima tudo nas nossas aulinhas!!

quinta-feira, 24 de março de 2011

Os ares estão me conquistando...

Quem já não pensou e quis ter asas par voar? Conhecer a sensação de estar nos ares, sentir a liberdade na imensidão do céu azul... ah, que delicia seria... 
Quer experimentar? Conheço algo que chega bem perto disso: tecido acrobático!

Essa atividade, pela qual me apaixonei há quase quatro anos, gerou em mim a frase que dá título ao post de hoje. Os ares realmente me conquistaram! Além de ser uma atividade de média/alta intensidade que trabalha o corpo inteiro, é super divertida, lúdica e, por que não dizer, mágica! A sensação de controle (do corpo) mistura-se com a liberdade de estar láááá no alto do tecido!

O tecido acrobático, também conhecido por outros nomes como tecido aéreo, tecido circense, tissu aéreo, seda aérea, cortina aérea, fita circense, acrobacia aérea no tecido, dança aérea e dança no tecido, é uma prática circense relativamente recente que ganhou evidência no circo contemporâneo. A primeira apresentação veiculada pela mídia de que se tem notícia foi realizada pelo Cirque de Soleil em 1995.

Sobre a origem, existem pelo mundo diversas hipóteses. Segundo alguns desenhos orientais apresentados por uma pesquisadora da escola de Circo de Beijin, as performances em grandes panos nas festividades dos imperadores da China já ocorriam por volta do ano de 600 d.C., utilizando a seda como tecido da época. No ocidente, um dos relatos mais antigos é uma experiência com as cortinas de um cabaré nas décadas de 1920 e 1930, em Berlim. Outros relatos afirmam que na França o tecido acrobático foi aprimorado após pesquisas com diferentes materiais pelo francês Gèrard Fasoli nos anos de 1980 (DESIDERIO, 2003). Neste período, chegou-se à utilização de um material bastante resistente no comprimento e, ao mesmo tempo, com elasticidade na largura, o que lhe confere grande plasticidade e leveza. Este moderno material é o tecido liganete, o qual é usado até hojeUma outra visão ainda revela que a prática teria sido inspirada na corda indiana.

Atualmente, a prática do tecido acrobático acontece não somente no Circo mas em academias, teatros, escolas, universidades, boates e clubes. A forma e a altura a ser amarrado pode variar, sendo usulmente  acima dos 4 metros de altura. Mas calma! Tudo começa bem no baixinho, com a segurança de ter o pé no chão [nunca "ter os pés no chão" teve um significado tão literal...]. Gradativamente, à medida que o praticante for desenvolvendo e adquirindo qualidades físicas, técnicas, segurança e confiança, a altura começa a aumentar, sempre com colchões de segurança. Dos aparelhos aéreos mais tradicionais (trapézios, lira, bambu, corda indiana,etc.), o tecido é um dos mais fáceis de aprender!






Que delicia! Não vejo a hora de subir no tecido de novo! E lá no alto dançar no ar, se enrolar, aprender novos movimentos, novas possibilidades de criação, se desenrolar numa queda de parar a respiração de qualquer um que estiver assitindo! 

Pra variar... recomendo! ;)

segunda-feira, 14 de março de 2011

Sou alongada ou flexível??

Queridos! Como estou me recuperando de "ossos do ofício" [e bota osso, nervo, veia, íngua nisso!!rs], esse post é especial para todos aqueles que gostam de se mexer, seja lá como... até para os aficionados em Wii Fit! TEM que ler! Clareia as idéias sobre alongamento e flexibilidade. Sabia que são coisas distintas? Olha só:


"Muita gente acha que é sinônimo e outros ate confundem os dois termos. Flexibilidade é definida como a total amplitude de um movimento na articulação (grau 0) ou de grupos de articulações envolvidos num determinado esforço com ou sem a ajuda de uma pessoa ou equipamento. Ela não é generalizada, ou seja, podendo ate ser específica para um só movimento na articulação de determinado movimento. Um exemplo seria uma pessoa com ótima flexibilidade nos joelhos e péssima nos ombros.
O alongamento enquanto isso é um conjunto de técnicas, exercícios ou manobras terapêuticas que tem por objetivo alongar (esticar) estruturas de tecido mole para se manter ou aumentar a amplitude dos movimentos de determinada flexibilidade.
Assim sendo, podemos dizer que a flexibilidade é considerada uma valência física e o alongamento o meio para desenvolver esta valência.

FLEXIBILIDADE 
“É a qualidade física responsável pela execução voluntária de um movimento de amplitude angular máxima, por articulação ou conjunto de articulações, dentro dos limites morfológicos, sem risco de provocar lesão.” (DANTAS). A flexibilidade é a amplitude de movimentos (ADM), ou seja, o grau de amplitude em que uma estrutura pode se afastar da outra, onde o máximo seria o ângulo de 0º, ao passar disso seria considerada hiperflexibilidade.

Tipos de Flexibilidade
*Ativa – é a máxima amplitude que se pode obter através de movimentos efetuados pelos músculos de forma voluntária.
*Passiva – é a máxima amplitude articular que se consegue em um movimento através de uma ação de uma segunda pessoa, aparelhos, força da gravidade, etc.

Fatores que influenciam a Flexibilidade:
*Idade: quanto mais velha a pessoa, menor sua flexibilidade;
*Sexo: a mulher, por possuir tecidos menos densos é, em geral, mais flexível que o homem.
*Individualidade Biológica: pessoas de mesmo sexo e idade podem possuir graus de flexibilidade totalmente diversos entre si; 
*Tonicidade Muscular: o tônus muscular é o grau de firmeza dos tecidos musculares. O aumento do tônus muscular poderá prejudicar a flexibilidade; 
*Respiração: É um fator considerado de extrema importância na aquisição da flexibilidade. Deve ser feita pelo nariz, sendo que a expiração dura o dobro do tempo da inspiração, que deve ser lenta e profunda; 
*Hora do dia: Ao acordar, todos os componentes plásticos do corpo estão em sua forma original, ocasionando uma resistência aos movimentos de maior amplitude. Por volta do meio dia esses fatores já foram contornados e a flexibilidade atinge seus níveis normais [minha hora do dia é na verdade bem no finalzinho dele, a noite, depois de tomar banho e antes de dormir! Fica a dica... ;)];
*Temperatura ambiente: o frio reduz à elasticidade muscular, inversamente, as temperaturas altas ocasionam o relaxamento da musculatura e seu aumento da flexibilidade [por isso depois de tomar banho quentinho!].


ALONGAMENTO
"Forma de trabalho que visa à manutenção dos níveis de flexibilidade obtidos e a realização dos movimentos de amplitude normal com o mínimo de restrição física possível” (DANTAS). O alongamento é um conjunto de técnicas utilizadas para se manter ou para se aumentar a amplitude de movimentos. Pode ser utilizado como aquecimento ou após atividades físicas, evitando a nodosidade muscular. Não tem risco de distensão e não há aumento da mobilidade articular.

Tipos de Alongamento
*Estiramento: É o alongamento que pode ser feito, sozinho, com um parceiro ou em equipamento. Deve-se alongar até atingir o limite dos arcos de movimento. Existem três tipos: passivo, ativo e misto.
*Suspensão: Nesse tipo são trabalhados os músculos e os ligamentos, as articulações não apresentam movimento. Consiste em se pendurar e ficar suspenso, por no máximo vinte segundos. Esse alongamento ajuda a retirar a água e os catabólicos provenientes das contrações musculares.
*Soltura: Consiste em balançar os músculos, muito tradicional em nadadores, que balançam o tríceps. Pode ser feito por um companheiro. É relaxante pois provoca a desconexão das ligações de actina-miosina remanescentes.

Reflexo de Alongamento
Os músculos estão protegidos por um mecanismo denominado reflexo de alongamento. Toda vez que estirar excessivamente as fibras musculares (seja por balanceios ou por excesso de alongamento) há a resposta do reflexo neuronal, que envia um sinal para os músculos se contraírem, o que impede que os músculos sejam lesionados. Portanto, quando você faz um alongamento desmesurado está contraindo os mesmos músculos que está querendo alongar". [E não se esqueçam: respirem! Prender o ar nos pulmões só atrapalha! Expire e tente relaxar...

Minha última dica é: faça do alongamento sua rotina! Tão parte do dia-a-dia que você não consiga viver sem.   Na imagem abaixo está grande parte dos alongamento que faço todos os dias. Você deve fazê-los e sentir quais seu corpo aceita e quais não, para poder modificá-los por exercícios correspondentes.

Se você ainda não é disciplinado o suficiente, frequente aulas de alongamento. Aqui no Estúdio tem sim senhor!! Informe-se!! 

Você se sente leve, leve... =D






quinta-feira, 3 de março de 2011

Haja flexibilidade!!

Na última sexta-feira, depois de uma semana incrivelmente corrida e cheia de quiprocós, chegou o momento tão esperado no mês: o workshop da Alesia Vazmitsel! 
[antes de tudo, queria agradecer a Mari! Super fofa, abriu as portas do seu estúdio e nos recebeu muito bem, nos deixou a vontade! Obrigada linda! Te adorei!rs Espero ter mais oportunidades para voltar aí no seu estúdio!]

Alesia é super simpática e carismática. Ao olhar para ela, me lembrei das ginastas russas que fazer coisas incriveis nas barras assiméricas, coisas que a gente assite nas Olimpíadas sabe?
Deve ser porque ela é uma ginasta bielorussa! E uma bailarina bielorussa! E uma acrobata bielorussa! E uma pole dancer... bielorussa! [sobre a altura dela, ela não era baixinha como eu..rs]

O aquecimento me realocou para minhas aulas de dança!  Que delicia! Com direito a meia ponta, pequenos saltos e grand battement! Já dava para imaginar o que vinha por aí...
Logo ela começou a passar os exercícios. A maioria deles foram celulas coreograficas compostas por vários movimentos na barra que exigiam força, agilidade e muita, mas muita flexibilidade! Cada vez que ela ia demostrá-los [demonstrar antes de ensinar ajuda no entendimento do que está sendo proposto] abria um sorrisão de orelha a orelha e pronto: os movimentos brotavam com uma facilidade e fluidez impressionantes.

Ao explicar os movimentos, Alesia era muito detalhista e falava exatamente onde deveriam estar as mãos, as pernas, os pés, o tronco. Tudo muito fácil de entender para ajudar na execução. Atendia cada uma e conseguia identificar qual era sua dificuldade e o que podia ser feito para melhorar.No alongamento final também não faltaram dicas de como melhorar o grau de flexibilidade e como alcançar a tão sonhada abertura de pernas. Ah dorzinha gostosa! Dorzinha de trabalho bem feito, sem ultrapassar os limites!

E por fim, tivemos a oportunidade de vê-la dançando em toda o seu glamour e técnica, com o mesmo sorriso e a mesma excelência de execução. O clima era ótimo! Foi uma delicia, não vejo a hora de mais! Ainda pude assitir Grazzy Brugnner, Edi Reis, Alessandra Telles, todas arrasando! [vídeos emprestados da Mari, porque os meus ainda preciso editar e não tá dando tempo pra descobrir como faço isso!rs]


Alesia linda!



Grazzy demais!




Eu sendo carregada pela fofa da Alesia!

Agradeço a todos que possibilitaram a vinda da Alesia para o Brasil! Eventos como esse só acrescentam e nos solidificam no Pole Dance.

E logo mais, mais novidades! 
Aproveitando o que a vida oferece de melhor, sempre!

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

"Mãe, mãe!! Posso ir na sua aula com você??"

Tenho lido e visto algumas coisas que me deixaram um pouco receosas em relação a atividades físicas para crianças e adolescentes. Achei um bom texto e gostaria de repassar alguns trechos a vocês:

"Atualmente, fatores como o aumento da violência, o avanço da tecnologia e a falta de tempo têm imposto aos indivíduos um estilo de vida cada vez menos saudável. Essa realidade é ainda mais evidente no que diz respeito às crianças, que passam a maior parte do tempo assistindo à televisão ou em frente ao computador, construindo, desde os primeiros anos de vida, um perfil característico do sedentarismo. Sabe-se que essa inatividade pode contribuir para o aumento do peso corporal e, conseqüentemente, para o desenvolvimento de diversas doenças. Sendo assim, o ideal seria implementar um programa de atividades físicas, associado a uma melhora do perfil nutricional, no cotidiano de crianças e adolescentes, em busca da promoção de uma melhor qualidade de vida. 

Ainda se mantém alguns mitos e equívocos quando o foco é direcionado para o treinamento de indivíduos em fase de crescimento pois poderia ocasionar a interrupção precoce do crescimento. Essa crença advém do fato que, nos ossos longos, o crescimento se dá em uma parte mais frágil, chamada placa epifisária. Ao se submeter o osso a sobrecargas extenuantes, estas placas podem ser lesionadas provocando a interrupção precoce do processo de crescimento. Entretanto, evidências científicas praticamente em sua totalidade sinalizam que quando a atividade é realizada dentro de parâmetros de segurança e bem orientada, não influencia negativamente o crescimento. 

A principal orientação para crianças e adolescentes é que sejam evitadas cargas máximas ou próximas do máximo. Sendo assim, pode-se perceber que algumas atividades que requerem força impõem sobrecargas até mesmo superiores a força máxima que o indivíduo consegue realizar. Outras recomendações é que sejam preferencialmente selecionados exercícios que trabalhem simultaneamente diversos grupos musculares e que os movimentos sejam executados por toda amplitude de movimento. Outro engano é atribuir efeitos negativos sobre a flexibilidade, quando na verdade a atividade física torna as crianças e adolescentes mais flexíveis. 

Além dos ganhos em força e flexibilidade, outros benefícios que crianças e adolescentes podem adquirir são: melhora da coordenação e da habilidade motora geral; melhora do desempenho em atividades desportivas, com, inclusive, redução da incidência de lesões durante sua prática; melhora do perfil lipídico (colesterol); aumento da densidade mineral óssea e, até mesmo, melhora de aspectos psicológicos como o aumento da auto-estima. Outro importante fator que merece destaque é que desde cedo podem ser mais propícios a manter hábitos saudáveis para o futuro, contribuindo para a promoção e manutenção da saúde e qualidade de vida durante o processo de envelhecimento. 

Como se pode perceber, ao contrário de especulações supervalorizadas e de argumentações defasadas e sem fundamentação científica, a prática de atividades físicas quando realizada de forma consciente e sob supervisão profissional, pode e deve ser implementada no dia a dia de crianças e adolescentes, proporcionando benefícios a curto e longo prazo com bastante segurança."

Procurem [e aconselhem seus próximos a procurarem!] profissionais formados e capacitados, que tenham didática de ensino e saibam trabalhar com a consciência corporal de crianças e adolescentes, "pessoinhas" que têm seus corpos em fase de formação e que necessitam de estímulos que não tragam complicações e/ou traumas corporais. Os profissionais formados nas áreas de atuação em atividades físicas [estou tentando não dar nome aos bois...] possuem o enfoque de restaurar a saúde, fazer manutenção corporal, evitar e tratar doenças e melhorar a qualidade de vida dos que os procuram. Além dos anos de prática que antecedem a universidade, a formação profissional na área possibilita utilizar da melhor forma todos esses anos de prática, no ensino de outros corpos.

Fica a dica! =D

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

O dia em que conheci a Diva!

Se você faz pole dance e nunca ouviu falar na Felix Cane, é como se você jogasse futebol e não conhecesse Ronaldinho Gaúcho! Eu, felizmente, tive a honra e oportunidade de conhecer a "ronaldinha gaucha" dos mastros! Um dos pontos altos da minha carreira como pole dancer! 


Felix veio ao Brasil no final do ano passado, em novembro, na cidade maravilhosa Rio de Janeiro! Foi uma correria... em uma semana descobrir se ainda existiam vagas, achar vôo, hotel.. mas valeu a pena!

Fui muito bem recebida pela Flávia e toda a equipe da Up Dance [obrigada querida! Você é demais e arrasa! Adorei conhecer seu universo... e espero voltar muito em breve!]. Foi um alvoroço... mulherada por todos os lados da academia! Cada uma de um lugar do Brasil, com sua história no pole, mas todas com o mesmo objetivo: conhecer e aproveitar ao máximo a vinda de Felix para o Brasil.


E cadê a Felix?? Logo que cheguei já fui procurando... era tanta gente! E quando a achei não conseguia acreditar: ela era da minha altura! Já tinha visto muitos vídeos e ela parecia sempre alta e longelínea! Ter um ótimo alongamento e flexibilidade realmente dá alusão de sermos maiores.. ;) 
Bom, nem preciso dizer que a Felix é extremamente flexível e alongada! Uma simpatia de pessoa, com o sorriso meigo e super brincalhona! E ela brilha, viu? Estrela de nascença.


Vê-la dançando foi magnífico. Não vou tentar descrever, nada melhor do que assistir!




O workshop foi ótimo! Estar com ela, poder conversar com ela e tirar dúvidas foi um aprendizado imenso! Propôs movimentos de transição de níveis, movimentos compostos, movimentos característicos de suas apresentações e alguns [valiosos!] truques.

Felix se mostrou guerreira e apaixonada pelo que faz. Excelência em execução, amplitude de movimento, carisma, fluidez. Para ela, parece que é como sentar e tomar um café. Um exemplo e uma inspiração. 
Tirou fotos e mais fotos e mais fotos! Autografou e autografou e autografou! Ganhou um monte de presentes e carinhos! "Abrasileiramos" Felix Cane!


Eu e Felix e o autógrafo!



No segundo dia, Felix e eu logo após o work.



Turma do work.


Agradeço a todas que fizeram acontecer! 
Estará para sempre nas minhas memórias [mentais e corporais..rs].

Logo, logo mais novidades! No final dessa semana tem o workshop Alesia! Ansiosa?? Imagina...








sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

A poderosa Felix Cane com o poderoso Cirque!!

No final de janeiro recebi uma notícia que me fez arrepiar inteira! O mais novo show do Cirque du Soleil "Michael Jackson: The Immortal World Tour" (baseado em todas as turnês de Michael Jackson), contará novamente com a presença da MARAVILHOSA Felix Cane! Só de assistir o trailler do espetáculo você já se emociona!

Olha só a notícia na íntegra [pena, não vai dar pra eu reproduzí-la inteira!]


Felix Cane já participa do show "Zumanity", considerado o lado sensual do Cirque du Soleil. O número dela é simplesmente magnífico! Com muita sensualidade, destreza e flexibilidade! Muita dança, muitas mulheres e muitos homens!

No começo do número, existem no palco vários homens sentados assistindo na TV futebol americano. Felix entra em cena e dança em cima da TV, enquanto todos os homens a assistem. Logo após ela começa a desenvolver a coreografia no mastro, cheia de técnica, amplitude e fluidez de movimentos e carisma - para mim, as melhores características da Felix. 


Além do Pole Dance, o Zumanity também traz números de contorcionismo, tecido aéreo, bambolê aéreo, equilibrio e força, entre outros.

Infelizmente, o show é residente em Las Vegas e não itinerante como alguns já passaram aqui pelo Brasil, entre eles "Quidam", o qual pude assistir em São Paulo no ano passado [isso também é outra história!].

Vamos torcer e deixar os dedinhos cruzados para que "Michael Jackson: The immortal World Tour" venha se apresentar em terras brasileiras!
Na próxima, conto como foi conhecer a diva dos mastros, Felix Cane!

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

... Porque fazer workshop é tudo de bom 2!

O segundo workshop de hoje é de Danças Circulares Sagradas! [Para aqueles ainda não sabem o que é danças circulares, aguardem! Logo, logo, terá um post somente sobre isso! ;)]

O Instituto Dança Viva [http://www.dancaviva.com.br] trará novamente para Holambra Saskia Kloke e Friedel Kloke!! Que lindo!! Nem estou acreditando que vou ter novamente a maravilhosa oportunidade de vê-las e dançar com elas!! É realmente uma honra!!

Friedel Kloke, bailarina, foi parceira de danças de Bernhard Wosien, "pai" das danças circulares. Ela tem inúmeras danças circulares, todas mundialmente conhecidas por sua beleza e dificuldade! Saskia Kloke, também bailarina, é filha de Friedel e a ajuda sua mãe a ensinar suas danças pelo mundo.
Felizmente, em abril do passado, tive a oportunidade de participar do meu primeiro workshop com uma das mulheres mais importantes no meio das danças circulares! 


Saskia, Eu e Friedel.

Este ano o workshop, que foi denominado "Engelwirken - Geração angelical", acontecerá de 21 a 23 de abril, no Espaço Cultural Terra Viva, em Holambra. Quaisquer informações, entrar em contato: contato@dancaviva.com.br .



Novamente, oportunidade única que não perco por nada! Vê-las dançando é extremamente prazeroso! Parecem anjos flutuando... a leveza, a simplicidade e a agilidade são encher os olhos! Friedel dança melhor do que qualquer menina no auge de seus quase 70 anos! [Abafa, mas chorei enquanto a assitia dançar no centro da roda, de tão belo que foi. Um dos momentos mais emocionante na minha carreira!]. Saskia tem a mesmas caracteristicas de movimentação da mãe no auge de seus 40 e pouco anos! É muita leveza pra uma família só! [desculpem-me Friedel e Saskia, não estou respeitanto o código de ética das mulheres! Mas revelar a idade neste caso pareceu de suma importância para entendimento dos fatos!]. Altamente recomendável! Vamos!?

... Porque fazer workshop é tudo de bom!

O assunto de hoje é: workshops!
O primeiro de hoje é de Pole Dance e já está sendo super-ultra-mega divulgado pelas escolas e estúdios do país inteiro. A Federação Paulista de Pole Dance está trazendo pela primeira vez ao Brasil a bielorussa Alesia Vazmitsel

Alesia começou sua carreira no ballet clássico aos quatro anos de idade [olha a dança no currículo!]. Depois do ballet, Alesia passou a treinar nos circos [olha o circo no currículo! Qualquer coincidência é mera semelhança.. ;) ] , ingressando em 1995 no "General Circus School" em Minsk e logo após no "National Circus of Belarus" como acrobata aérea e dançarina. Sua experiência na dança e no circo permitiu a ela complementar com sucesso suas coreografias criativas e originais no Pole Dance.
O ápice de sua carreira aconteceu em 2008, quando venceu o "Miss Pole Dance UK". Em 2009, foi vice-campeã na "World Pole Sport & Fitness Competition" e em 2010 participou do programa "Britain's Got Talent", chegando até as semifinais.

No workshop, além de ensinar e aprimorar a execução de movimentos e sequências no mastro, Alesia apresentará seu programa de alongamento específico para a flexibilidade no quadril e nas costas. [Alunas queridas que se preparem!! Técnicas de abertura e flexibilidade são uma de-lí-cia e com certeza complementarão nossas aulas!! E sem choramingar!!]

Os workshops em São Paulo acontecerão de 24 a 26 de fevereiro e no Rio de Janeiro dias 21 e 22 do mesmo mês.
Imperdível, com certeza! Pelos vídeos que assisti, Alesia é realmente incrível e tem uma flexibilidade de dar invejinha a qualquer um. Além de tudo, é muito criativa nas coreografias e nos seus figurinos. Uma artista completa, sem dúvida. Recomendo!